Olhar Jurídico

Quinta-feira, 23 de maio de 2024

Notícias | Criminal

CASO CELSO

Casal suspeito de envolvimento na morte de professor é liberado; menores têm apreensão mantida

13 Mai 2024 - 10:51

Da Redação- Amanda Divina/ Do local - Luis Vinicius

Foto: Olhar Direto

Flagra do momento em que casal deixa a delegacia

Flagra do momento em que casal deixa a delegacia

A Justiça manteve a apreensão dos dois adolescentes envolvidos na morte do professor Celso Gomes, de 60 anos, em Cuiabá. Os dois adultos, sendo um homem e uma mulher, foram liberados ainda na delegacia. Conforme a justificativa da Polícia Civil, não foi possível vincular os dois envolvidos no crime. Eles saíram pela porta da frente da delegacia.


Leia também:
Menor diz que matou professor do Salesiano em reação a tentativa de aliciamento; vítima foi asfixiada e carbonizada


O grupo foi localizado na sexta-feira (10) após diligências da Polícia Civil. O corpo do professor foi encontrado em uma região de mata próximo da Lagoa Trevisan uma semana depois do desaparecimento dele.

Durante o depoimento,  o adolescente de 17 anos afirmou que o professor o deu uma carona sentido ao bairro Parque Cuiabá, na sexta-feira (3).

Em determinado momento, já dentro do carro, eles tiveram uma discussão, instante em que o rapaz saiu do veículo, mas teria sido convencido a voltar por Celso. O suspeito sustenta que o professor passou a aliciá-lo, e que, por isso, deu um 'mata-leão' na vítima, que desmaiou.

Depois de recobrar a consciência, Celso foi enforcado até a morte pelo rapaz. Após assassinar o professor, o menor, usando o carro da vítima, teve ajuda de outro comparsa para ocultar o corpo de Celso.

Durante a semana, os policiais conseguiram localizar o carro da vítima.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet