Olhar Jurídico

Sábado, 13 de abril de 2024

Notícias | Criminal

em discussão

Juíza mantém prisão de homem que confessou matar massoterapeuta a facadas

Foto: Rogério Florentino

Juíza mantém prisão de homem que confessou matar massoterapeuta a facadas
A juíza Marina Carlos França determinou a prisão preventiva de Kaique Marques Cavalcante, de 28 anos, preso após confessar ter matado a massoterapeuta Mikaelly Mendes da Silva, de 26 anos, a facadas em Tangará da Serra (252 Km de Cuiabá), no sábado (7).

Leia também:
Delegado aponta possível coação e requer prisão de homem que matou massoterapeuta


O delegado responsável pelo caso, Hebert Hugo Montenegro de Souza, afirmou que existe materialidade e indícios de autoria suficientes para comprovar que Kaique foi responsável pelo crime.

Ressaltou ainda que, caso permanecesse em liberdade, o Kaique poderia influenciar no resultado das investigações, ameaçando ou coagindo as testemunhas do fato. 

O crime aconteceu durante a madrugada de sábaado (7) por volta das 5h30 no bairro Tangará I. O casal teve um desentendimento sendo que Kaique pegou uma faca e partiu para cima da esposa.

Devido aos ferimentos, a mulher não resistiu e morreu ainda na casa. A Polícia Militar foi acionada e conseguiu encontrar Kaique escondido na casa da mãe dele.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet