Olhar Jurídico

Sábado, 13 de abril de 2024

Notícias | Eleitoral

denunciado por Neri

Wellington Fagundes pede suspensão de reportagem sobre suposta investigação

Foto: Reprodução

Wellington Fagundes pede suspensão de reportagem sobre suposta investigação
Senador em busca de reeleição, Wellington Fagundes (PL) entrou com processo na Justiça Eleitoral para  suspender veiculação de reportagem em canal de televisão sobre suposta investigação por esquema de propina na campanha eleitoral de 2014.

Leia também
TRE determina retirada de propaganda de Márcia Pinheiro da rádio por omitir partidos da coligação; campanha já corrigiu peça

 
Segundo informado, em jornal da faixa das 12h, foi noticiado pelo apresentador que Wellington Fagundes não estava sendo processado, mas estava sendo investigado por autoridades competentes.
 
Tal fala se deu após o programa noticiar alegações deque Fagundes estaria envolvido com esquema de propina na campanha eleitoral de 2014, segundo depoimento do empresário Pierre François Amaral de Moraes, divulgada em coletiva de imprensa pelo também candidato ao Senado, Neri Geller (PP).
 
“Contudo, tal fato é incontroversamente inverídico, haja vista as certidões apresentadas pelo Representante no RCAND, bem como certidões de antecedentes criminais que ora se apresenta”, diz trecho do processo.
 
Fagundes requer a concessão de liminar para determinar ao canal de televisão que se abstenha de informar notícia supostamente inverídica, “notadamente de que o mesmo é investigado em processo e/ou inquérito por Crimes em razão de depoimento do Sr. Pierre François Amaral de Moraes, sob pena de multa diária”.
 
No mérito, Fagundes requer a concessão de direito de resposta. Processo aguarda julgamento. 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet