Olhar Jurídico

Sexta-feira, 21 de junho de 2024

Notícias | Política de Classe

ELEIÇÕES NA OAB

Ex-aliado acusa Moreno de anúncio falso; pré-candidato alega mal entendido

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Ex-aliado acusa Moreno de anúncio falso; pré-candidato alega mal entendido
O advogado Fernando Mascarello, publicou, neste final de semana, no dia 25 de outubro, um artigo desmentindo um possível apoio a José Moreno, um dos pré-candidatos a presidência da Seccional de Mato Grosso da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT). O jurista já declarou apoio a Leonardo Campos.


Leia mais:
TJ mantém bens de advogado bloqueados por emissão de cartas de crédito para desvio de R$ 399 milhões


Mascarello atua em Sorriso (350 km da capital) e no artigo, intitulado “Não apoio José Moreno”, o advogado relata que já o apoiou, há três anos, motivado pela ideia de que “a alternância do poder é salutar e necessária em qualquer situação, sobretudo em uma entidade classista”.

Entretanto, atualmente, considera o posicionamento do pré-candidato “bastante deslocado da atual conjuntura política que sustenta a sua candidatura”, pois sua chapa teria massiva presença de profissionais que, ao longo dos anos, ocuparam Conselhos Estaduais e Federais. Portanto, segundo ele, “não coaduna com o discurso da mudança, do novo, da alternância”.

Mascarello ainda classificou como “oportunismo” a veiculação de seu nome ao lado de apoiadores de Moreno e afirmou que não pode admitir “o discurso eleitoreiro de conveniência, que parece servir apenas como artifício de tomada de poder (ou em uma visão mais tétrica: de manter-se nele)”.

Por fim, declara que não acredita que a menção de seu nome tenha partido do pré-candidato, mas de um erro de sua assessoria “na função de proliferar a campanha”. 

O outro lado

José Moreno admitiu a falha de sua assessoria, mas alegou, sem citar nomes, que “estão fazendo tempestade em copo d’água”.

Como justificativa para a menção do nome de Mascarello entre seus apoiadores, relatou uma visita ao município de Sorriso, onde teria tirado uma foto ao lado de alguns advogados, inclusive Mascarello.

Posteriormente, a assessoria teria deduzido que o advogado também o estivesse apoiando, porque posou ao lado dos apoiadores do pré-candidato. Então, acabou cometendo o equívoco.

Apesar do suposto mal entendido, Moreno se diz tranquilo e confiante, pois, segundo ele, a grande maioria dos líderes de Sorriso, incluindo o presidente da subseção local, Evandro Santos da Silva, já declarou apoio a sua candidatura.

E ainda acrescentou que considera Mascarello como amigo e respeita sua posição, “que está do outro lado, mas já esteve do meu. Democracia é isso”, finalizou.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet