Olhar Jurídico

Sábado, 15 de maio de 2021

Notícias / Criminal

audiência de custódia

Alvo de operação contra policiais civis e militares tem prisão convertida para domiciliar

Da Redação - Fabiana Mendes

04 Mai 2021 - 17:15

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Alvo de operação contra policiais civis e militares tem prisão convertida para domiciliar
Presa nesta terça-feira (4), Kelle de Arruda Santos, alvo da operação deflagrada em conjunto pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e a Corregedoria Geral da Polícia Civil, teve a prisão convertida em domiciliar durante audiência de custódia realizada nesta tarde.

Leia também:
Gaeco e Corregedoria da PJC cumprem 44 mandados contra grupo criminoso integrado por policiais civis e militares

Kelle de Arruda ajudava a associação criminosa com algumas informações, mas apesar disso, não seria considerada peça chave da investigação. O advogado que faz defesa da acusada, Hélio Bruno Caldeira, disse que também foram estabelecidas algumas medidas cautelares, entre elas, não se aproximar dos demais investigados na operação.

Ao todo, 22 pessoas, entre eles policiais civis e militares, foram presas e estão passando por audiência de custódia que só deve ser finalizada por volta das 20h.

As ações dos alvos envolvem a prática de crimes graves como concussão, corrupção, peculato, roubo e tráfico.

Dentre os alvos, existem vários outros que já respondiam a processos na Corregedoria ou envolvimento em outras acusações.

O líder do esquema é investigador e chefe de operação da Delegacia do Coxipó. Conforme o Gaeco, ele se utilizava de técnicas de investigação com o uso de equipamentos da Polícia Judiciária Civil, além da facilidade do seu posto para facilitar e encobrir as ações criminosas do grupo.

Confira abaixo os alvos da operação desta terça-feira:
 
Dhiego de Matos Ribas (policial civil)
Edilson Antônio da Silva (policial civil)
Natalia Regina Assis da Silva (namorada de Edilson)
Alan Cantuário Rodrigues (policial civil
Júlio César de Proença (policial civil)
Paulo da Silva Brito (policial civil)
Rogério da Costa Ribeiro (policial civil)
André Luis Haack Kley (policial civil)
Frederico Eduardo de Oliveira Gruszczynski (policial civil)
Evanir Silva Costa (ex-policial civil)
Raimundo Gonçalves de Queiroz (ex-policial civil)
Domingos Savio Alberto de Sant’ana (ex-servidor público)
Reinaldo do Nascimento Lima (incerto)
Manoel José de Campos (policial militar)
Kelle de Arruda Santos (não é policial)
Jovanildo Augusto da Silva (criminoso)
Genivaldo de Souza Machado (já foi preso)
Neliton João da Silva (incerto)
Adilson de Jesus Pinto (policial militar)
João Martins de Castro (incerto)
Delisflasio Cardoso Bezerra Silva (já foi preso por se passar por policial civil)
Sandro Victor Teixeira Silva (policial civil)

Comentários no Facebook

Sitevip Internet