Olhar Jurídico

Quinta-feira, 15 de abril de 2021

Notícias / Criminal

suspeita de corrupção

Faiad reforça pedido para retirar tornozeleira de ex-secretário preso em 2020

Da Redação - Arthur Santos da Silva

06 Abr 2021 - 10:37

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Faiad reforça pedido para retirar tornozeleira de ex-secretário preso em 2020
A defesa do ex-secretário adjunto Sistêmico da Casa Civil, Wanderson de Jesus Nogueira, reforçou no dia 16 de março o requerimento para que haja a retirada da tornozeleira eletrônica e a restituição do celular apreendido quando da prisão em flagrante por suposto esquema de corrupção, fato ocorrido em setembro de 2020. O suspeito pede ainda revogação da proibição de acesso a quaisquer órgãos públicos pertencentes ao Poder Executivo do Estado de Mato Grosso.

Leia também 
Juíza desbloqueia mais um imóvel para Riva vender e pagar acordo de delação premiada

 
Conforme defesa, após o transcurso de seis meses da prisão convertida em cautelares, as investigações realizadas para apurar suposta prática do crime de corrupção ainda não foram concluídas, razão pela qual não faz mais sentido manter o monitoramento eletrônico.
 
“A manutenção das medidas cautelares fixadas em desfavor do requerente, além de em nada contribuir com a possibilidade de reiteração delitiva, descartada pela sua exoneração do cargo comissionado, ainda está a lhe causar absurdo constrangimento”, salientou o advogado Francisco Faiad.
 
Wanderson, ex-secretário adjunto Sistêmico da Casa Civil, foi preso em flagrante pelo suposto cometimento do crime de corrupção passiva. Policiais flagraram o ex-membro do Executivo Estadual com uma mochila preenchida por R$ 20 mil.
 
Há suspeita que o dinheiro seja fruto de propina paga por contratos firmado com a TMF Construções e Serviços Eireli.
 
Segundo informações disponibilizadas pela ferramenta Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças de Mato Grosso (Fiplan), a empresa TMF recebeu somente em 2020 valor superior a R$ 3,4 milhões.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet