Olhar Jurídico

Sábado, 21 de maio de 2022

Notícias | Eleitoral

derrota de leitão

Justiça suspende propaganda que questiona atuação de coronel na PM

Foto: Rogério Florentino/ Olhar Direto

Justiça suspende propaganda que questiona atuação de coronel na PM
O juiz Armando Biancardini Candia determinou a suspensão de propaganda eleitoral do candidato ao Senado, Nilson Leitão (PSDB), que atacava a imagem da também candidata, Coronel Fernanda (Patriota). Decisão é do sábado (31). A referida propaganda questionava a atuação de Fernanda como policial militar e afirmava: “ela não vai dar conta”.

Leia também
Liminar determina que Frical pare de divulgar pesquisa que está suspensa
 

O vídeo combatido na Justiça inicia-se com parte da propaganda política da candidata, onde esta afirma, por ser PM, que “de prender vagabundo e bandido, eu entendo”. Logo em seguida inicia-se uma locução colocando em dúvida a fala da candidata com o argumento de que a mesma, enquanto policial, nunca teria exercido função nas ruas.
 
A peça de Leitão ressalta que Fernanda ocupou cargos na Secretaria de Estado do Meio Ambiente, na Assembleia Legislativa, no Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso, no Ministério Público de Contas e também na Associação dos Oficiais da PM e dos Bombeiros (Assof).
 
“Analisando de pronto o conteúdo dos presente autos, verifica-se, em cognição sumária, restarem demonstrados os requisitos necessários a amparar o pedido de concessão da liminar, ademais, o parece-me de fato sim, Propaganda Eleitoral Negativa a Representante”, decidiu Armando Biancardini.
 
A liminar, além de determinar suspensão, estabelece multa de R$ 10 mil em caso de descumprimento.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet