Olhar Jurídico

Terça-feira, 07 de abril de 2020

Notícias / Geral

Cartórios de Mato Grosso estão atendendo usuários de forma remota

Assessoria

26 Mar 2020 - 15:06

Foto: Reprodução

Presidente da Anoreg-MT, José de Arimatéia Barbosa

Presidente da Anoreg-MT, José de Arimatéia Barbosa

A Associação dos Notários e Registradores do Estado de Mato Grosso (Anoreg-MT) informa que todos os cartórios do Estado estão realizando atendimentos aos usuários de forma remota por meio da Central Eletrônica de Integração e Informações (CEI-MT), telefone, whatsapp e e-mail.

Leia mais:
Juiz determina que Abílio comprove renda após pedir Justiça gratuita em ação que busca retorno à Câmara

Tanto os notários/registradores quanto seus colaboradores estão atuando internamente nos cartórios, em forma de revezamento, adotando todos os procedimentos de prevenção ao coronavírus, bem como recomendações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso (TJ-MT) e Corregedoria-Geral do Poder Judiciário (CGJ-MT).

Por meio da CEI-MT, o usuário pode acessar, visualizar e solicitar os serviços prestados pelos cartórios como, por exemplo, certidões de casamento, nascimento, óbito, escrituras, firmas, registro de imóveis, procurações, dentre outros. A Central reúne, numa única plataforma, os atos de mais de 240 cartórios mato-grossenses.

"Central Eletrônica de Integração e Informações foi criada em 2015 e oferece aos usuários dos cartórios celeridade e segurança jurídica nos atos praticados. Qualquer pessoa que precise de um serviço cartorial pode solicitá-lo por meio dessa plataforma, ou seja, o notário/registrador recebe eletronicamente o pedido, faz o registro e o envia ao solicitante. Tudo de forma online, garantindo ao usuário comodidade, conforto e economia, pois não precisa se deslocar até o cartório. Todos os cartórios estão e sempre estiveram preparados para atender a demanda dos usuários”, registra o presidente da Anoreg-MT, José de Arimatéia Barbosa.

Atualmente, com a disseminação do coronavírus, a suspensão de expediente externo se deve ao cumprimento de normas federais, estaduais e municipais, sendo as últimas obedecendo as peculiaridades de cada município. No entanto, se, por ventura, o usuário necessitar ser recepcionado, cabe ao notário/registrador analisar o caso e adotar os procedimentos adequados para atendê-lo, o que vem sendo realizado por diversos cartórios. 

Para utilizar a CEI-MT, o usuário deve se cadastrar no site ou no aplicativo e validar o cadastro por e-mail. Em seguida, é necessária a compra de créditos por meio de boleto, sendo o valor mínimo de R$ 10. Após a compensação, é liberada a consulta, que pode ser feita por CNPJ/CPF ou pelo nome da pessoa, seja ela física ou jurídica. Por questões de segurança e de sigilo, nem todos os documentos estão disponíveis para consulta.

Caso tenha dúvida acerca do funcionamento da CEI-MT, entre em contato pelos telefones (65) 3023-4371 / 98463-2945 / 99256-6781 / 99256-0748 ou e-mail cei@anoregmt.org.br.

Clique aqui para acessar a CEI-MT.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet