Olhar Jurídico

Terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Notícias / Criminal

Conciliação entre Valdir Piran e Silval Barbosa em briga por mansão termina sem acordo

Da Redação - Arthur Santos da Silva/ Vinicius Mendes

02 Dez 2019 - 09:20

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Conciliação entre Valdir Piran e Silval Barbosa em briga por mansão termina sem acordo
Terminou sem acordo a audiência de conciliação na manhã desta segunda-feira (2) entre o empresário Valdir Piran e o ex-governador de Mato Grosso, Silval da Cunha Barbosa. Piran aciona o ex-político solicitando indenização por dano moral.

Leia também 
Juiz afirma que superlotação em celas da PCE pode levar a morte de detentos

 
Prazo de 15 dias foi determinado para que haja contestação por parte da defesa. Após o vencimento, novo período será aberto para que a defesa do empresário possa impugnar a contestação. Nesta segunda, apenas Silval Barbosa esteve presente, acompanhado de seu advogado, Valber Melo. Valdir Piran foi representado por Ricardo Spinelli.
 
O ex-governador acusou Valdir Piran de invasão de propriedade. Mansão em Jurerê Internacional, Santa Catarina, teria sido invadida por Piran durante o período em que o ex-governador permaneceu preso por crimes em Mato Grosso. 

Silval Barbosa afirma ter comprado o bem do ex-deputado estadual Gilmar Fabris. Porém, ainda segundo o delator, Piran invadiu a residência argumentado que Fabris lhe devia. O imbróglio ocorreu enquanto o delator premiado estava no Centro de Custódia de Cuiabá.
 
A informação consta de proposta de substituição de bens entregues por Silval Barbosa em sua delação premiada. O político desejava oferecer a casa em Jurerê em troca de três bens inicialmente negociados
 
O mesmo caso é tratado na esfera criminal

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • José
    02 Dez 2019 às 09:53

    Piran acionando o Silval por dano moral? É o fim dos tempos.

Sitevip Internet