Olhar Jurídico

Domingo, 31 de maio de 2020

Notícias / Civil

Juiz intima delegado acusado de improbidade a apresentar defesa

Da Redação - Julia Munhoz

05 Jul 2012 - 17:26

Foto: Reprodução

Juiz intima delegado acusado de improbidade a apresentar defesa
O juiz da 3ª Vara Federal de Mato Grosso, Cesar Augusto Bearsi, intimou o delegado afastado da Polícia Civil, Paulo Vilela, para que apresente sua defesa no processo em que é acusado de improbidade administrativa pelo Ministério Público Federal (MPF). Ele tem um prazo de 15 dias, a contar desta quinta-feira (05) para apresentar defesa.

Vilela era diretor geral da Polícia Civil e foi afastado do cargo, em 2011, após denúncia do MPF em que é acusado de envolvimento em uma suposta irregularidade armada para beneficiar o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, José Riva (PSD), em um processo eleitoral de compra de votos, que tramitava na delegacia municipal de Campo Verde, em 2010.

Conforme os autos do processo, no dia 3 de outubro do ano passado, Paulo Vilela determinou, através de uma portaria, a avocação dos documentos da investigação que envolvia o parlamentar para sua competência. Riva era investigado por suspeita de compra de votos.

Além do delegado, o Ministério Público Federal também propôs ação civil pública de improbidade administrativa contra o presidente da Assembleia Legislativa, o ex-secretário de Estado Eder de Moraes Dias e o assessor parlamentar Cristiano Volpato.

Leia:

MPF propõe ação por improbidade contra Riva, Eder Moraes e delegado

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet