Olhar Jurídico

Sábado, 16 de outubro de 2021

Artigos

A força da OAB na defesa da advocacia e dos cidadãos

Autor: Rodrigo Araújo

10 Set 2021 - 08:00


A Ordem dos Advogados do Brasil foi criada em 1930 e, em 1988, consolidada como entidade guardiã da Constituição Federal, mesma oportunidade em que a advocacia foi reconhecida como indispensável à administração da Justiça.

A instituição ficou notadamente conhecida pela defesa dos cidadãos, se tornando protagonista em episódios importantes da história brasileira, sobretudo na redemocratização do País, no impeachment do presidente Fernando Collor e na criação da lei da Ficha Limpa.

Indispensável na defesa intransigente das prerrogativas dos advogados, a OAB deve sempre primar para que os profissionais tenham condições de atuar de forma autônoma e independente.

Ao mesmo tempo, de forma equilibrada, a OAB deve colaborar com o Poder Público e com as cidadãos, a fim de garantir que os direitos fundamentais estampados na Carta Magna não sejam ignorados.

A força e a credibilidade da OAB outorgam e permitem que a instituição adentre em assuntos sensíveis da sociedade e colabore efetivamente para a solução que melhor atenda os anseios da coletividade.

Como pré-candidato a presidente da OABVG, entendo que a Instituição deve estar atenta às questões sociais e, respeitando os poderes constituídos, sirva como mediadora em questões de extrema relevância para o País.

Prova disso é a Comissão da BR 163 que, de forma autônoma, colabora efetivamente para a solução de um problema que há décadas afeta a população e o setor produtivo de nosso Estado.

A ausência de duplicação e, sobretudo, a má conservação da rodovia tem ceifado, aos longo dos anos, inúmeras vidas, inclusive de colegas advogados, sendo um assunto delicado que demanda coragem, outra característica forte presente em nossa instituição.

Certamente, o exemplo será seguido em assuntos que envolvam Várzea Grande, caso nosso projeto seja acolhido pelos advogados desta subseção, respeitando, evidentemente, nossos limites constitucionais.

Defenderemos intransigentemente nossas prerrogativas, proporcionaremos a capacitação e a atualização dos advogados de forma gratuita, trazendo advogados mato-grossenses de renome, transformando nossa subseção em uma verdadeira casa do conhecimento.

Indiscutivelmente, chegou o momento da OAB acolher os advogados, a fim de minimizar os efeitos da pandemia e as consequências desastrosas deste período para a sociedade brasileira.

Rodrigo Araújo é advogado, Conselheiro Estadual da OAB/MT e pré-candidato a Presidente da OAB Subseção Várzea Grande
Sitevip Internet